Dão Álvaro Castro / Reserva

Tinto Dão 2008
13% Vol.

As refeições do dia-a-dia não se fazem só de comidas lindas e “gourmet”. Come-se comida, comida normal… bifes com arroz, omeletes, pescada cozida, carne picada com esparguete, e mais um sem número de petiscos corriqueiros e caseiros… mas eventualmente com pouco “glamour” para o registo fotográfico.

E isto quando há tempo e disposição para fazer o jantar. Porque muitas outras vezes procura-se a solução mais rápida…o famoso Take Away.

É o desenrasca. E nós, não somos diferentes. Perto de casa temos tudo, a oferta vai do italiano, ao japonês, à fast food e ao frango de churrasco. Neste dia calhou ir ao chinês. Pato à Pequim e arroz xau xau. Passamos os dias a correr e muitas vezes não damos a devida importância ao que comemos. Temos de dar mais atenção a estas refeições diárias, e tentar não arranjar “desculpas“… até porque o arroz xau xau é tão fácil de fazer… Fica prometido, a próxima vez que virem um post com comida chinesa será com arroz xau xau “homemade“!

Este ano vamos tentar a máxima: “no fast food and no fast drinking” e pensar melhor no que pomos à boca!

Com o vinho é outra história. Temos mais cuidado. Dá menos trabalho, é só comprar bom e guardar. E um bom vinho faz logo um “upgrade” substancial em qualquer refeição.

dao-alvaro-castro-reserva-2008-vinho-bordallo-pinheiro-vida-portuguesa-andorinha-borda-dagua-bebespontocomes

É o caso deste Dão Álvaro Castro que abrimos, um vinho do dia-a-dia para uns e de dias de festa para outros. Tem é de ser bom! E sermos tão apaixonados pela região do Dão e ainda não termos falado dos vinhos deste produtor era quase uma heresia. Este vinho enquadra-se na linha moderna dos vinhos de Álvaro Castro, com uma imagem mais universal para vinhos que, mantendo todo o perfil da quinta, pretendem fazer a ponte entre a vinha e o mundo. Fresco e com a elegância que sempre caracterizam os seus vinhos.

Acompanhou o nosso jantar e problemas do dia-a-dia… coisas comezinhas como colar a asa da andorinha partida.

INFORMAÇÃO TÉCNICA:

Notas de Prova
Cor: vermelho escuro
Aroma: intenso e fino com notas de fruto maduro, especiarias e alguma tosta
Sabor: boca macia e agradável, taninos maduros bem casados
Final de Prova: longo e elegante

Castas
Touriga Nacional, Tinta Roriz (+/-35%) e vinha velha (65%).

www.quintadapellada.com

Preço: 12,95€ 
@El Corte Inglés/Porto

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *